a

All ideas streamlined into a single flow of creativity. Smiltė.

LA offices
Image Alt

Carol Barreto

Artista

Carol Barreto é Professora do Departamento de Estudos de Gênero e Feminismo da Universidade Federal da Bahia

Carol Barreto é Professora do Departamento de Estudos de Gênero e Feminismo da Universidade Federal da Bahia, atuante no Grupo de Pesquisa Gênero, Arte e Cultura do Núcleo de Estudos Interdisciplinares sobre a Mulher (NEIM), órgão suplementar da UFBA. Doutora pelo Programa Multidisciplinar de Pós-Graduação em Cultura e Sociedade – PosCultura – IHAC – UFBA. Mestra em Desenho, Cultura e Interatividade – UEFS e Especialista em Desenho – UEFS. Possui graduação em Licenciatura em Letras com Inglês pela UEFS. Atuou como docente em cursos de Graduação, Técnico e Pós-Graduação em Design de Moda por cerca de dez anos, onde desenvolveu as metodologias aplicadas no projeto Modativismo.

Criadora do projeto Modativismo, Carol Barreto é Artista e Designer de Moda Autoral. Oriunda de Santo Amaro da Purificação – BA, trabalha com a relação entre Moda e os Ativismos Feministas e Antirracistas, construindo um trabalho de visibilidade internacional nas passarelas de Dakar – SEN, Paris – FR, Luanda – AO e galerias de arte em Chicago – EUA, Toronto – CA, Nova York – EUA, Cidade do México – CDMX, Salvador –BA, Rio de Janeiro – RJ, e São Paulo – SP, além de atividades de circulação de sua obra em Recife – PE, BR, Fortaleza – CE, BR,  Bogotá – COL  e  Williamsburg – VA – EUA. Assinou o figurino do filme sobre Lina Bo Bardi, do artista inglês Isaac Julien, e do Musical ‘Brasilis: Circo Turma da Mônica’, sobre Diversidade Cultural Brasileira, em turnê nacional. Criadora do “Uniforme que nunca existiu”, uma homenagem da Centauro, para a atleta Aída dos Santos. Autora do livro documental  ‘Coleção Colaborativa Modativismo: uma experiência de ensino- aprendizagem em Moda Afrobrasileira”, 2021. Atuou como professora em cursos de Graduação, Técnico e Pós-Graduação em Design de Moda por cerca de dez anos, onde desenvolveu as metodologias aplicadas no projeto Modativismo e desde o ano de 2011 é Docente do Departamento de Estudos de Gênero e Feminismo da Universidade Federal da Bahia.